banner viagem itapema
Crise

Empresário diz que medidas de contenção são absurdas e que as pessoas vão morrer é de fome

Jair comentou uma publicação sobre o número de casos em Sidrolândia e foi informado que se trata de apenas um caso

23/03/2020 14h58Atualizado há 4 meses
Por: Redação, Rodrigo Rodrigues
Fonte: Noticidade
Foto: Noticidade
Foto: Noticidade

O empresário sidrolandense Jair do Nascimento dono do Eldorado Materiais para Construção usou as redes sociais para manifestar sua opinião sobre as medidas impostas pelo governo por meio de decretos para prevenção a proliferação do Coronavírus.

Em um de seus comentários na rede, Jair comentou uma publicação sobre o número de casos em Sidrolândia e foi informado que se trata de apenas um caso. Diante das respostas ele disse:

“Se é só um caso, pra que este barulho todo, com essas medidas radicais que estão tomando, vai morrer mais gente de fome do que desse Vírus, um absurdo querer parar o trabalho de um Pai de Família, quero ver no final do mês quem vai pagar as contas essenciais, água, luz, supermercado, farmácia, toda pessoa que morre agora estão pondo a culpa neste Vírus”. Destacou o empresário que foi enfático e o comentário está circulando na rede.

Cb image default

Outros comerciantes se manifestaram totalmente contra essa ideia, afirmando que a saúde é essencial e a manutenção da mesma com cuidados preventivos é um senso de amor ao próximo, mandamento bíblico acima de tudo.

Para os comerciantes que até já fecharam suas lojas e condenam esse tipo de comentário de Jair, a preocupação com as finanças não deve estar acima da preocupação com a vida, acima de tudo.

Para o prefeito Marcelo Ascoli é melhor ser criticado pelo exagero nas medidas de prevenção do que ser criticado por não fazer nada e ver a pandemia sacrificar vidas, inclusive de nossos entes queridos e a própria, pois ninguém está imune independente de classe social, cor da pele ou religião.

A partir desta terça-feira (24) conforme decreto municipal, as lojas, comércios e empresas que não forem consideradas essenciais deverão fechar as portas em respeito à quarentena em Sidrolândia. Só vão funcionar Supermercados, Postos de Combustíveis, agências bancárias e Farmácias. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.