...
banner viagem itapema
Mato Grosso do Sul

Agepen recebe visita de gestores de Pernambuco para conhecer operacionalização do monitoramento eletrônico em MS

Considerado referência pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), o sistema de monitoração eletrônica de Mato Grosso do Sul recebeu a visita...

09/09/2021 05h00
Por: Redação, Rodrigo Rodrigues
Fonte: Secom Mato Grosso do Sul
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Considerado referência pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), o sistema de monitoração eletrônica de Mato Grosso do Sul recebeu a visita técnica de representantes da Secretaria Executiva de Ressocialização de Pernambuco, nesta semana.

O intuito foi conhecer de perto a operacionalização da Unidade Mista de Monitoramento Virtual Estadual (UMMVE) da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), bem como, o desenvolvimento das atividades através de equipe multidisciplinar e de fiscalização.

A visita foi realizada pelos servidores Alony Marcílio Martins Gomes dos Santos e Rodrigo Gomes Leal de Menezes, respectivamente, gerente e supervisor do Centro de Monitoramento Eletrônico de Pernambuco (CEMER).

Durante a recepção, o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, destacou a relevância da atuação integrada junto aos órgãos ligados à execução penal, contribuindo para o fluxo dos trabalhos.

“Estamos sempre de portas abertas para o intercâmbio de informações, de forma a aperfeiçoar o desenvolvimento das atividades durante o cumprimento de pena”, afirmou o dirigente.

Dentre os diferenciais estratégicos de MS estão a organização dos trabalhos e a integração com o Poder Judiciário, conforme apontado pelos servidores de Pernambuco.

“Temos cerca de 3,7 mil monitorados no nosso estado, então a nossa intenção é elaborar um estudo de viabilidade para implantação das equipes e estruturar melhor os trabalhos no CEMER, a exemplo do que tem sido feito aqui em MS. Posteriormente, pretendemos fazer mais intercâmbios de informações”, explicou Alony dos Santos.

As visitas estão sendo acompanhadas pelo diretor da UMMVE, Ricardo Teixeira de Brito, e servidores penitenciários. “Esse diálogo potencializa o crescimento do monitoramento como um todo, mostra que estamos no caminho certo, e nos motiva a buscar bons resultados”, informa Teixeira.

Durante a semana, foi demonstrada a organização estrutural, relação com o Judiciário, aplicação da equipe multidisciplinar e atuação do Grupamento de Fiscalização, o qual é responsável pela busca de equipamento, fiscalização do cumprimento das condições de monitoração eletrônica in loco e orientação ao monitorado quanto às condições determinadas pelo juiz.

Formada por psicóloga, assistente social e bacharel em Direito, a equipe multidisciplinar dos servidores da UMMVE realiza o acolhimento preliminar, com escuta qualificada das necessidades do monitorados para os devidos encaminhamentos, bem como, realiza o acompanhamento durante o cumprimento da medida e orientações aos familiares.

Também participaram a chefe de Vigilância da UMMVE, Kamila Sanches; a chefe de Segurança, Patrícia Pompeu; e a administradora Graziela Bernardo.

Tatyane Santinoni, Agepen.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.