Mulher é esganada e tem celular destruído após negar sexo ao marido em Nova Alvorada do Sul

A vítima afirmou que queria dormir, no entanto o autor a agrediu enquanto dormia.

Por Redação 01/01/2018 - 16:01 hs

Mulher é esganada e tem celular destruído após negar sexo ao marido em Nova Alvorada do Sul
Foto: ilustração

Uma mulher de 41 anos foi agredida pelo marido, de 40 anos, após recusar-se a fazer sexo, na noite de sábado (30) em Nova Alvorada do Sul. Segundo o jornal Midiamax, A mulher estaria dormindo quando o homem jogou uma jarra de água gelada sobre a vítima e passou a agredi-la, apertando os punhos e a garganta.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela vítima, o casal estaria junto há cerca de três meses e na noite de ontem ingeriam bebidas alcoólicas na casa do suspeito. Após certo tempo, eles teriam ido à casa da vítima, onde o autor teria afirmado que queria manter relações sexuais. No entanto, a vítima afirmou que queria dormir um pouco.

Ainda segundo a ocorrência, o autor foi ao banheiro e teria ficado com raiva ao encontrar a mulher dormindo, momento em que teria iniciado as agressões.

O autor também teria quebrado completamente o telefone celular da vítima e fugido em seguida. O caso foi registrado como Lesão Corporal Dolosa (Violência Doméstica).