Governador Reinaldo Azambuja e prefeito Arlei Barbosa inauguram primeiro quartel de bombeiros de Nova Alvorada do Sul

A cerimônia contou com a presença do governador do estado Reinaldo Azambuja, Secretário de Justiça e Segurança Pública do estado, José Carlos Barbosa e deputados.

Por Rodrigo Rodrigues 29/05/2017 - 19:24 hs
Foto: Edemir Rodrigues

Foi inaugurado nessa segunda-feira (29), o primeiro Quartel Comunitário do Corpo de Bombeiros de Nova Alvorada do Sul, que atendera uma região estratégica do estado.

Nova Alvorada do Sul até então era dependente das cidades vizinhas e isso era dificultoso em algumas situações devido a distância que os Militares tinham que percorrer para atender determinadas ocorrências. O Quartel foi inaugurado por meio de parceria do governo do estado e da prefeitura municipal de Nova Alvorada do Sul, o estado cedeu os militares e os equipamentos e o município locou o prédio onde o quartel irá funcionar e pôs à disposição 16 servidores, que irão se revezar em equipes de três pessoas 24h. O trabalho deles será dar suporte aos bombeiros.

Iniciando suas atividades com uma grande estrutura e equipamentos novos o Tendente Kaled está preparado para realizar um excelente trabalho junto aos demais bombeiros no município.

A estrutura inaugurada conta com duas viaturas operacionais, sendo um carro de incêndio e um pré-hospitalar para ajudar também em buscas e salvamentos. Outras duas viaturas administrativas estarão à disposição, além de oito bombeiros que atuarão com suporte dos 16 bombeiros comunitários treinados pela Prefeitura.

Reinaldo Azambuja ressaltou a importância da “parceria estado e município” que mais uma vez se mostrou muito eficaz, e mesmo em meio à crise que pais enfrenta parcerias como essas resolvem problemas da sociedade.

 

Além do quartel, Reinaldo Azambuja destacou a entrega de uma estrutura conjunta para a segurança pública do município, que incluiu viaturas para as Polícia Civil e Militar. No município, o Governo do Estado também tem investido R$ 7,7 milhões em saneamento básico, e emendas no valor de R$ 1 milhão para drenagem e pavimentação.