Na 9ª Conferência Estadual de Saúde, governo reafirma compromisso com a regionalização

Centenas de delegados de todo MS participam em Campo Grande, nesta terça e quarta, de debates, aprovação de relatório e eleição de delegados para a 16ª Conferência Nacional, que acontecerá em Brasília no mês de agosto

Por Ricardo Minella 04/06/2019 - 14:31 hs

Na 9ª Conferência Estadual de Saúde, governo  reafirma compromisso com a regionalização
Conferência Estadual de Saúde mobiliza centenas de participantes de todas as regiões do Estado.

Implementar a regionalização objetivando oferecer saúde de qualidade mais próxima dos cidadãos. Esse é um dos principais desafios do governo do Estado de Mato Grosso do Sul, segundo a fala do secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende durante a abertura da 9ª Conferência Estadual de Saúde, cujo tema é “Democracia e Saúde” e acontece nesta terça e quarta-feira, dias 4 e 5 de junho, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, em Campo Grande.

Representando o governador Reinaldo Azambuja, Geraldo Resende apresentou um relatório das diversas ações que vêm sendo adotadas na atual gestão estadual. Entre investimentos em construções, reformas e ampliações de hospitais, entrega de veículos e equipamentos, capacitação técnica e custeio de serviços, insumos e aparelhos, o secretário disse que a meta é qualificar o atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) em todo o Mato Grosso do Sul.

Com a participação de delegados eleitos nos 79 municípios do Estado, a Conferência tem como objetivo debater a construção de políticas públicas que visem à melhoria nos serviços de saúde. Para tanto, estão programadas palestras sobre a consolidação do SUS nos municípios, e financiamento adequado e suficiente para o Sistema Único de Saúde, b em como a aprovação do Relatório Final da Conferência e eleição dos delegados que participarão da 16ª Conferência Nacional, que acontecerá entre os dias 4 e 7 de agosto deste ano em Brasília.

Além do secretário estadual de Saúde Geraldo Resende, participaram da mesa de abertura dos trabalhos, na manhã desta terça-feira, o secretário executivo do Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde), Jurandi Frutuoso; o secretário municipal de Saúde de Campo Grande, José Mauro; o presidente do Conselho Estadual de Saúde Florencio Garcia Escobar; Márcia Moraes, coordenadora do segmento dos Usuários do SUS; Edelma Peixoto, coordenadora do segmentos dos Gestores e Prestadores; Giane França Álvares, coordenadora do segmento dos Trabalhadores; vereador Dr. Lívio, de Campo Grande; deputado Antonio Vaz, presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de MS.

            Programação

A 9ª Conferência Estadual de Saúde prossegue hoje (04/06) e amanhã com a seguinte programação:

Dia 4

13:30 - Eixo I - Saúde como Direito, Expositor: Geordeci Menezes de Souza, Conselho Nacional de Saúde (CNS);

14:00 - Eixo II - Consolidação dos princípios do Sistema Único de Saúde, Expositora: Crhistinne Cavalheiro Maymone Gonçalves, Secretaria de Estado de Saúde - SES/MS;

14:30 - Eixo III: Financiamento adequado e suficiente para o SUS, Expositor: Jurandi Frutuoso Silva, Secretário Executivo do Conselho Nacional de Secretários de Saúde CONASS - Coordenação: Edelma Lene Peixoto Tiburcio e Florêncio Garcia Escobar; 

15:00 - Debates;

17:30 - Encerramento;

Dia 5

08:00 - Grupos de trabalhos;

10:00 - Mobilização na Assembleia Legislativa, Ricardo Alexandre Correa Bueno;

12:00 - Intervalo;

13:30 - Plenária Final, aprovação do Relatório Final ‒ Florêncio Garcia Escobar, presidente do Estadual de Saúde de Mato Grosso do Sul;

15:00 – Moções;

16:30 - Eleições de delegados;

17:00 - Coffee Break;

17:30 – Encerramento